Skip to content

>The Bachelorette 7 – Episódio 2

June 1, 2011

>Preparem-se para suspirar, rir, amar, chorar, odiar. Está na hora da nossa novela brega da vida real preferida. Com vocês…



Recapitulando…


A dentista Ashley, totalmente rejeitada na temporada anterior de The Bachelor…



ressurgiu das cinzas para passar de mão em mão e encontrar o pai de seus filhos em The Bachelorette. Dentre os candidatos, gostamos (tá, EU gostei) do Príncipe William…



e de JP.



Mas, por algum motivo, Ashley quis dar a Rosa da Primeira Impressão para um cara que faz coração com as mãos e, na Cerimônia das Rosas, o primeiro escolhido foi Jeff…



Que só quer ser amado pelo seu interior, mas ainda assim sofreu bullying e mascarofobia… Tsc, a vileza humana.


Falando em vileza, também conhecemos o vilão potencial, Bentley:




Sobre quem Ashley foi advertida que estaria entrando no programa apenas para promover a própria empresa.


Ashley cairá presa de Bentley? Jeff tirará a máscara? Ashley dará para alguém? Vamos tentar descobrir as respostas nesse e-mo-cio-nan-te episódio \o/




Tudo começou com apresentador Chris explicando o sistema de encontros. A homarada poderia sair com Ashley em encontros individuais ou em grupos, e receber ou não a rosa da imunidade. Ao sair para o encontro, eles deveriam fazer as malas, pois se tudo desse errado eles seriam eliminados.


TeMso.



Ashley em pose serena para as câmeras, mesmo que dissesse temer ser rejeitada em seu próprio programa.


E como ela não é boba nem nada, o primeiro a ser convidado para um encontro individual em Las Vegas foi…



Príncipe William (Yaaaaaaay)

Homarada secretamente desejando que Príncipe William tropeçasse na escada, quebrasse o pescoço e morresse.



Detalhe tórrido: Os dois foram para Las Vegas de ja-ti-nho.

Te meteeeee



Chegando lá, tinha um monte de mulheres/fãs do programa/desocupadas dizendo o quanto Ashley era linda. Cara, COMO ASSIM? Que mulher podia olhar para a Ashley com o Príncipe William por perto?


Print aleatório para compartilhar com vocês a phopha combinação gorro + máscara.



Bom, Ashley, toda trabalhada na safadeza, queria testar se o Príncipe William era um cara sério. Por isso, o levou a uma loja de bolos de casamento.

Príncipe William teMso



Depois, foram comprar anéis.

Príncipe William extremamente teMso



E, por fim, o levou a uma daquelas capelas em que você casa na hora e o Elvis Presley é seu padrinho.

Príncipe William querendo morrer de teMsão



Estranhamente, ele não saiu correndo com os braços para cima. Foi adiante com a palhaçada toda.



E até respondeu “sim”. Quando chegou a vez de Ashley…



Ainda assim, a louca ainda queria saber se ele a estava levando a sério. Cara, olha que eu sou neurótica, mas Ashley leva a paranóia a um nível totalmente diferente. Por isso, o convidou para jantar no meio do lago, de barquinho…



Tá, eles não comeram no barco. Tinha uma mesa montada.



Príncipe William contou a história do pai alcóolatra.

Nossa, como você é lindo


Ashley emocionada


Serião, esse cara é MUITO lindo.



No final das contas, Ashley também tinha um pai alcoólatra. TODOS SE EMOCIONA e ela entrega a ele (ao Príncipe, não ao pai) a rosa da imunidade. 



E todos são brindados com um show uber cafona, ainda que bonito.



Enquanto isso, na casa da homarada no cio, chegou o convite para um encontro grupal (cara, isso soa tãooo orgia), também em Las Vegas. Os escolhidos foram:


Constantine:



Esse aí:



Esse aí:



Ben que faz vinho:



Esse aí:



Bentley:




West:



Cara de Bobo:



Lucas:



Cara que ligou pra mãe:



Ames AKA Frankestein Jr:



E esse aí:



Ou seja, sobraram cinco rejects, entre eles JP (Ashley é loucaaaaa), Ben 215 na escala de romantismo, Ryan Coração com as Mãos e Jeff (mascarofobiaaaa). Como vocês podem ver, o quinto reject foi um esse aí avulso. Isso depois do Jeff anunciar para as câmeras que vai tirar a máscara quando tiver um encontro com Ashley. Cara, eu nem estou curiosa para saber como ele é, mas admito que estou ficando meio mascarofóbica também.



Em Vegas, Ashley levou a homarada ao teatro para ver o grupo Jabbawockeez.



Enquanto estavam todos distraídos, ela, muito danadjeenha, saiu de fininho para se juntar ao grupo no palco, balançar de um lado pro outro, e se dizer dançarina. 



No final das contas, a idéia era dividir os caras em dois times para que eles inventassem e ensaiassem uma coreografia em meia hora. Os Jabbawockeez decidiriam que grupo havia se saído melhor. Os perdedores voltariam para Los Angeles, e os vencedores se apresentariam com eles à noite.


Um grupo resolveu simular um casamento, e se chamou The Best Men.



O outro grupo simulou uma cerimônia de entrega de rosas, e se chamou No Rhythm Nation.



Criatividade a gente vê por aqui.


Depois das apresentações e de muuuuita vergonha alheia, os Jabbawockeez decidiram que No Rhythm Nation havia se saído… humm… menos pior?



Tem até videozinho da apresentação. Iuhuuul.



Adiós, losers!




Depois do show, ficaram todos sentados em volta dessa mesinha, e eles começaram a puxar Ashley para uma conversa particular. Cara, que coisa chata. Isso é tãoooo primeiro episódio!



West levou Ashley para dentro do teatro e falou como era difíiiicil contar sobre a morte da sua mulher, como se ele não estivesse revelando sua viuvez para as câmeras desde semana passada.

Ashley emocionada (parte II)



Até que chegou a vez de…



Bentley! Muahahahhahahhaha


Atenção: O cara passou o programa todooo dizendo pras câmeras que ele era um cara competitivo, que achava que Ashley tinha uma bunda bonita e blablabla, e ela ficou assim:



E, tipo, imploroooooou pra ele FICAR se estivesse sendo honesto. IMPLOROUUUUU



Implorou MUITO pra ele ficar em um programa em que ELES querem ficar, e ELA elimina.


Como Bentley…



disse, assim não tem nem graça. Pra finalizar, ela deu uma rosa da imunidade para ele.



E disse para as câmeras a frase PRICELESS: “Tenho um ótimo radar para esse tipo de coisa, e sei que tem um sentimento forte rolando entre a gente”.


Mas vamos para Los Angeles:

Outra cena aleatória para mostrar o quanto o Jeff é patético.



Na dúvida se chamaria Mickey ou JP para encontrar com ela em Las Vegas, Ashley decidiu que os dois tirariam a sorte na moeda.



Serião. Ashley merece um Bentley na vida.



O felizardo foi Mickey.



Chegando lá, ela resolveu que o encontro seria todo decidido na moedinha. O tipo de vinho que eles tomariam, para onde eles iriam, etc e tal. Eu teria ido embora.



Mas Mickey entrou na brincadeira.



E contou história triste da morte da mãe.

Ashley emocionada (Parte III)



Então a doida disse que ia tirar na moedinha se dava uma rosa para Mickey ou não.

Ele não curtiu.



Mas acabou ganhando na moedinha e Ashley falou que teria dado a rosa para ele de qualquer maneira.



É uma moça com um senso de humor MUITO pheeno.



O encontro terminou com passeio na areia falsa de Las Vegas e showzinho. Foi owwwn.



Chegou a noite de cerimônia das rosas, com boa parte da cuecada dando chilique porque ainda não tinha passado tempo com Ashley. JP, que havia perdido um encontro na moedinha, teve uma idéia de JÊNIO:



Resolveu jogar a moeda para saber se ganharia um beijo ou não. Ben pontua 215 na escala de romantismo. JP acabou de pontuar -10.



Maaaaaas, como estamos falando de ASHLEY, ela gostou da brincadeira.


Enquanto a homarada saía no tapa para conseguir cinco minutos de atenção da moça, Príncipe William resolveu interromper…



Ganhou mais beijo…



Deixou a cuecada poota…



E ainda saiu tirando onda sobre o encontro.

Ok, William, agora você não está sendo nem um pouco principesco.


Caraaaa, muitas coisas sem muita relevância aconteceram em muito  pouco tempo de programa. Preparem-se:


1) 



Jeff mascarado, que passou o tempo fazendo o Fantasma da Ópera, finalmente percebeu que a máscara poderia colocá-lo em desvantagem e resolveu chamar Ashley para uma conversa a sós, durante a qual contou uma história triste sobre uma hemorragia cerebral.

Ashley não emocionada (Parte… opa! Essa é nova)



Ele estava com a mão no rosto para tirar a máscara irritante (acho que até Ashley já estava um pouco mascarofóbica) quando imagino que rolou um toque da produção, e chegou…


2) O Empata



que interrompeu o Momento. Sim, a Máscara continua no lugar. O Empata, por sua vez, foi empatado por…


3) Ben 215…

Ben, acho que você tem caxumba



Outro que estava no desespero para mostrar sua beleza interior para Ashley. Enquanto isso, na sala…


4) Ogro William continuava tirando onda. Ao ver que Ashley já estava passando de mão em mão…



Bentley…



Ficou preocupado e resolveu partir para o ataque.


5) Fotonovela da psicopatia:



Cara, nem em micareta essa mulher beijaria tanto


“No início foi bom. Depois, foi horrível” (Psicopata, Bentley)


Com tudo isso, e porque é muito mais fácil falar dos três eliminados que dos quinze salvos, vamos ao resultado da cerimônia das rosas.


Quem ficou de mãos abanando foi:


Cara de Bobo

Aeeeee



Empata

Bem feito



Esse aí, que sai do programa sem que eu tenha descoberto o nome dele:



E sabem o que é mais humilhante, minha amiga que se compadece da sorte dos personagens dessa incrível novela? É ser eliminado enquanto a louca Ashley deixa na casa um homem com uma máscara RIDÍCULA.

Leave a Comment

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: