Skip to content

>Survivor Redemption Island – Episódio 12

May 6, 2011

>Um monte de gente, um milhão de dólares, e apenas duas pessoas que sabem jogar. Hora de…



Na Ilha da Depressão, estavam todos “Oi, Ralph, que surpresa você aqui… NOT”, quando Steve chegou.



Tipo, algumas vezes você está tão ferrado que a única solução é rir da situação.



Enquanto isso, os amarelinhos estavam “Yay, somos amigos, amigos do peito, amigos pra valeeeeeer”.



Até Natalie resolver chorar, nas palavras dela, “lágrimas de hormônio”. Parece que a Nicarágua também tem TPM.

Abraço grupal… ewww! Isso devia ser abolido dos realities junto com o coração com as mãos.



Quando a correspondência avisando sobre o “duelo de quatro” chegou, era da Sprint. Sabem o que isso significa, né, Companheiros? Vídeos da família.

TODOS COMEMORA


Rob tendo sentimentos. #MEDO


Mais abraço grupal




Para que ficassem um pouco menos deprimidos, a Ilha da Depressão também ganhou videozinho…



através do qual descobrimos que várias galinhas do Ralph morreram.



Graças a tudo de sagrado no mundo, eles fizeram foto, e não abraço, grupal.


Duelo



Em cada rodada, cada um tinha de atirar uma estrelinha…



Para quebrar os azulejos. Eram quatro ao todo. O que ficasse na rabeirinha estava fora, e o primeiro a conseguir ia poder passar um tempo com o membro da família que tinha aparecido no video.



Mike começou na frente e, dessa vez, também terminou na frente.



E, para variar, Rob torceu a cara. Sério, não sei o que ele esperava. TODOS na Ilha da Depressão o odeiam. Os outros que se salvaram foram Matt e Ralph, enquanto Steve, com uma mão mole que só podia ser proposital, quebrou um azulejo só.

Steve, você é um bundão.



Acontece que o prêmio de Mike não era tão simples. Ele podia passar um tempo com a sua mãe, ou abrir mão disso para que Matt e Ralph aproveitassem a tarde com o irmão e o amigo, respectivamente:



Ou ajudar o grupo que eliminou a Seita…



Agora prestem MUITA atenção. Mike disse que na noite anterior estava lendo o Evangelho, na parte que dizia “Ajudai o próximo como ajuda-te a ti mesmo”, e que por isso ajudaria o maior número possível de gente. Jeff ainda fez “Comékié? Você não vai dar o presente para os seus amigos, e sim para a tribo que dizimou a sua?”



Mas Mamãe Mike falou que não estava surpresa, que era o que esperava do seu filho, que ele era muito bom e ela estava muito orgulhosa.

Abraços não grupais.




Ralph ficou p*to. Disse a Mike que esperava que sua decisão o levasse longe no jogo, já que essa era exatamente sua intenção ao premiar os amarelinhos.



Até Matt Bom Cristão ficou pas-sa-do.



E Mike insistiu que não havia feito aquilo para ganhar vantagem alguma, mas que na noite anterior havia pedido para Deus ajudá-lo a ganhar o desafio, e sua escolha havia sido o que Deus tinha pedido como retribuição.


E depois o louco é o Phil.


Falando em louco do Phil…



Rob contou para a irmã seu plano de carregar Phil até a final, pois ele era tão chato que não ganharia nenhum voto do júri. Enquanto isso, ele fingia lealdade a todos os outros. Tudo daria certo se os demais amarelinhos não se comunicassem.


Desafio



Eles tinham de desatar os nós das tábuas…



Que formavam degraus para completar essa escadinha liMda. Eles só podiam pegar uma tábua por vez, sendo que os degraus eram, na realidade, um quebra-cabeça. Ou seja: se levassem a tábua errada, tinham de descer para buscar a certa.



O primeiro a chegar no topo ganhava a imunidade.


Ashley e, principalmente, Phil e Natalie não deram nem para o começo. A disputa ficou acirrada entre Rob, Grant e Andrea, a única que não podia ganhar, pois os amarelinhos pretendiam mandá-la para os braços de Matt na Ilha da Depressão. Como Grant e Andrea cometeram vários erros, Rob assumiu a liderança e acabou vencendo, mas com muito drama.

Dramaaaaaaa


Dramaaaaaaaa




De volta ao acampamento, o voto estava fechado em Andrea…



que pensava que iriam de Phil, que virou no capeta e resolveu tirar o dia para atormentar todo mundo.



Como ele mesmo confessou, sua estratégia era exatamente essa. Fazer com que os outros se sentissem seguros o suficiente para querer levá-lo para a final. Rob caiu como um patinho…



Só que Phil deu tanto nos nervos que Rob começou a desconfiar, e falou com Grant que talvez fosse melhor tirá-lo.


Conselho Tribal


Todos estavam super confiantes que não corriam perigo. Jeff lembrou que havia uma vantagem e uma desvantagem em um grupo tão unido. A vantagem foi ter tirado a Seita, a desvantagem foi que alguém fatalmente sofreria um blindside. Rob foi o único que admitiu que, se não tivesse com o colar da imunidade, estaria preocupado. Até que começou a contagem dos votos. Um voto em Andrea, um voto em Phil, e o resto em…



Andrea, claro. Que até então estava se dizendo segura de ter se aliado ao grupo certo.

Yep!



E como tudo ocorre da forma que Mestre Rob decide…



A menos que decidam tirar o Phil semana que vem, parece que finalmente teremos alguma emoção nessa temporada.


Nota: Tremenda bola fora colocar a decisão difícil de passar tempo em família nas mãos de alguém da Ilha da Depressão. Só um dos quatro voltará para o jogo mesmo, e a prova que decide isso é física ou de habilidade. Teria sido muito melhor aproveitar a oportunidade para semear a discórdia entre os amarelinhos. Bom, mas o Jeff é liMdo, mas, perfeito, só o Bial.

Leave a Comment

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: