Skip to content

>The Phone – Hector E Fernanda

April 13, 2011

>Olhem que coisa boa, companheiros! Um milionário misterioso quer mudar a sociedade distribuindo 30.000 reais por aí, pois acha que trabalho em equipe e testes de capacidade física e mental podem mudar o mundo. Com vocês…


Ou, como a galera da Band diz, Dê Fôni




Como todos os programas da Band, tinha uma cara meio trash, a começar pelo povo que não sabia atuar. Não estou falando dos competidores. Estou falando do tal milionário misterioso e das pessoas que acredito que sejam atores distribuídos por São Paulo. Cara, dava nervoso. O programa é assim: Duas pessoas atendem a dois celulares (um para cada) colocados em locais estranhos. Ao atender, vem a mensagem que elas podem concorrer a 30.000 reais se seguirem as pistas e localizarem as quatro chaves espalhadas pela cidade. Ela têm três horas para abrir a maleta com o dinheiro.


Eu estava achando que eram pessoas totalmente aleatórias, mas elas haviam sido pré-selecionadas pelo milionário misterioso… Como, eu não faço idéia. O primeiro telefone tocou em uma mercearia, um tal de Hector atendeu, e pediram que ele colocasse um chapéu de coringa e fosse ao Viaduto do Chá.



Até aí, tudo bem. Vai que o cara está sempre na mercearia à mesma hora, néam? Só que a Fernanda estava em uma loja de sucos, e o celular preso embaixo do balcão. Quando o telefone tocou, de todas as pessoas que estavam lá, ela foi a única curiosa para atender.



Sei lá, senti cheiro de boninhada.


Fernanda tinha de pegar um megafone e ir ao alto do Viaduto do Chá, e de lá falar para um cara com chapéu de coringa (Hector… há!), que ele tinha de abordar um certo executivo e pegar o conteúdo de sua maleta.



Coisa que o Hector fez sem o menor medo de ser confundido com um assaltante e, aliás, foi bem legal para a produção que só existisse UM executivo por perto, assim ele foi atrás da pessoa certa.


Hellooooo? UM executivo em São Paulo? Serião, depois dizem que eu sou muito azeda.


Tocou o celular da Fernanda, e ela teve de gritar pelo megafone para o coringa encontrá-la no Marco Zero na Praça da Sé. E aí foi um momento lindo, onde os dois se viram, se apresentaram, e ouviram a mensagem contida no… netbook? DVD player portátil? que Hector roubou do executivo.



Agora eles tinham de descobrir quem estava enterrado em frente ao índio Tibiriçá dentro da Catedral da Sé. Hector, que não teve escrúpulos para sair por aí arrancando pastas de executivos, ficou bem tímido para entrar na igreja de chapéu. Foram lá e nada. Quem tinha a dica era o pastor (aka péssimo ator) que lia a Bíblia e um folheto turístico do lado de fora.



Então, quando os dois patinhos descobriram que era Feijó que estava enterrado com o índio Tibiriçá, tocou o telefone e o milionário misterioso falou que a primeira chave estava em uma das palmeiras em frente à igreja.


Oi? Cadê índio? Cadê Feijó?


Próxima pista: Casa de Portugal



Onde Hector levou bronquinha via celular por ter deixado Fernanda comendo poeira na rua e não ter trabalhado em equipe. Lá, os dois tinham de ir ao salão de festas para identificar as bandeiras dos países no quadro branco, seguindo dicas nas mesas:



Eles tinham dez minutos para escrever todos os nomes, e depois o milionário misterioso ligava para eles circularem letras específicas de cada país, e descobrir o nome de um livro de João Pessoa que estava na biblioteca da Casa de Portugal.


Vejam a pressa da pessoa para dar print:

A anta que vos escreve pensando “Eles nunca vão acertar isso”, mas o nome do livro era Mar Português, só que as letrinhas andavam na tela e eu não notei.


Com cinco minutos para achar o livro, os dois quase estouraram o tempo e tiveram de pedir ajuda à bibliotecária. Lá dentro estava uma foto com a localização da segunda chave.



Próximo passo, ir a um estacionamento, pegar o carro que havia sido disponibilizado para eles e seguir um mapa, que dava em um ferro-velho.



Em um dos carros estava o cofre e, para abri-lo, leiam o print aí de cima, hehe


Era para ter sido bem mais fácil, se não fossem pistas como “Um carro de uma montadora italiana…” e cérebros como: “Será esse Siena?” “Não, isso é Fiat”. Ou “Uma montadora alemã que leva o nome da filha do fundador”. Caracaaaaa, isso até eu sei, e olha que só conheço UMA montadora alemã. Ainda assim, eles tiveram de pedir a resposta pro milionário misterioso e pagar 1.000 reais do prêmio para ouvir “Mercedes”.

Momento lindo



O local da última chave tinha de ser encontrado através de pistas colocadas em balões.



E tinha de ser assim: Um estourava o primeiro balão (verde), e lia a pista para o outro seguir. Aí o outro estourava o balão correspondente, e lia a pista para o primeiro. E assim sucessivamente, até chegarem à última pista, que dizia que a chave que faltava estava no topo de uma escada que Fernanda quase quebrou a perna para subir.

Outro momento lindo



O celular tocou, dizendo onde estava a maleta com o prêmio. Os dois correram para lá e…



Rá! Pegadinha do Mallandro! Eram necessárias CINCO chaves para abrir a maleta, e apenas um a conseguiria: aquele que respondesse mais rapidamente as perguntas de um quiz sobre o que eles haviam aprendido naquela tarde. Entenderam onde o índio se encaixa agora?

E o vencedor foi…



Nope, não foi a bunda do Hector. Foi o Hector inteiro. É que eu também queria mostrar a maleta (eu sei, Print Fail).

Cara de bunda



O milionário misterioso ligou novamente, e perguntou se Hector queria ficar com o dinheiro todo ou dar 50% para Fernanda. Foi um dramaaaaa. Hector perguntou a Fernanda o que ela pretendia fazer com o dinheiro. Esta disse que queria comprar um carro ou material de trabalho, provavelmente o último. E então…



Hector falou muito, muito obrigado por ter me ajudado, mas vou ficar com tudo, desculpa ae. Milionário Misterioso Querendo Um Mundo Melhor Fail.


Campanha Hector BBB12


Para quem perdeu todas essas emoções, The Phone vai ao ar pela Rede Bandeirantes, às terças, 23.15.

From → Mari, The Phone

Leave a Comment

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: