Skip to content

>Sobe e Desce #5

February 13, 2011

>Semana trágica! Entre mortos e feridos, sobraram muito poucos.






Rainha absoluta do programa.



Ao contrário do que algumas pessoas disseram nos comentários, Diana não foi falsa nem colocou o rabinho entre as pernas quando Adriana foi tirar satisfações com ela. Ela explicou que havia apenas respondido uma pergunta da Maria – o que foi verdade. Diana começou o programa apagada, e hoje é uma das poucas pessoas ali com personalidade para peitar o jogo dos Patetas.



Autenticidade não é sair gritando ou chamando os outros de pu-puta go-gorda. Autenticidade é não puxar o saco, dizer o que pensa sem elevar o tom de voz e chamar MauMau de Maurício.



Adriana pelo menos justificou sua presença no programa. Passaremos batidos pelo drama Rodrigão, e nos fixaremos no fato de ela não levar desaforo para casa nem ter medo de cara feia (Não, não estou falando do Maurício. Estou falando do fato de Adriana ter indicado Dianão na lata). Tudo bem que sua votação no confessionário foi uó, mas do nada absoluto ela passou a 0,1. Tá valendo, porque eu estou bem humorada.



Paulão continua Paulinha, mas ao menos não entrou na lavagem cerebral do Maurício e cravou um voto bem justo no Diogo.






O jogo de Talula foi totalmente atrapalhado pela volta de Maurício. Fico torcendo para que ela tenha feito apenas uma retirada estratégica, e que retorne em toda a sua glória semana que vem.






Subiu pela festa, caiu pela indicação. Deixou claro que sabe que Maurício está com um jogo nebuloso, que sabe que estão puxando o seu saco, mas apatetou e não peitou os patetas na hora da indicação.



Rodrigão abriu a boca, e agora tudo o que queremos é que ele a feche novamente. Pagou de pegador, depois ficou fazendo pouco de Adriana, se faz de vítima dos votos que ganhou quando não se relacionava com ninguém, Gyslene-Style, já passou horas falando mal de Talula pelas costas, mas nunca disse uma única palavra na sua frente. Ah, não vou continuar porque a lista é longa e deu preguiça.



Merecia subir por perceber a mudança em Maurício e tentar alertar as meninas, mas desceu de novo por não conseguir sustentar sua posição com o voto, que ainda por cima era secreto.



Lucival também passou a semana falando mal do Diogo, e na hora queimou voto na Jaque, dizendo que ela “vai brilhar aqui fora”. Como se não bastasse, ainda lançou mão do Pobrinho Card para não sair no paredão de hoje.



Falta de amor próprio tem limite.



Poderia ser um grande jogador, se a soberba não tivesse puxado o seu pé e se não fosse tão contraditório, começando uma Guerra Santa em nome do Rodrigão e cometendo todos os “pecados” que condenou nos outros, como, por exemplo, combinar votos. Chamar a Maria de burra também não o ajudou nadinha.



Jaqueline murchou, apagou, sumiu, desapareceu, escafedeu-se.



Diogo se enterra cada vez mais. Não é possível que esse cara não saiba que não basta pular loucamente para aparecer, que existem câmeras, e que o público não fica muito feliz com quem declara que cospe na cara quando discute com uma mulher.

From → BBB11

Leave a Comment

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: